Experiência em EAD da Facvest

O Centro Universitário Facvest integra a Rede de Ensino Univest que iniciou suas atividades na década de 1990, incorporando a Escola de Comércio de Lages que formava alunos de nível médio, antigo 2º grau, e os habilitava em técnicos de contabilidade. Esta atividade deu origem ao ensino supletivo, de nível fundamental e médio, base para os programas de educação a distância hoje conhecidos.


Primeira experiência: com o ensino supletivo foi desenvolvido um setor de produção de material didático que elaborava os módulos de estudo de cada disciplina que compunha o currículo da educação básica. Um núcleo pedagógico, constituído por áreas do conhecimento estabelecia as bases comuns dos conteúdos curriculares e os professores exerciam a dupla função de elaboradores de conteúdo e de docência. Da mesma forma, elaboravam os exercícios e as atividades avaliativas.
A metodologia do programa era organizada por aulas durante três dias na semana, atividade de tutoria com os professores e atividades avaliativas. Os alunos avançavam nos cursos de acordo com o cumprimento das atividades propostas nos módulos didáticos.


O contato com os alunos era feito nas atividades presencias em sala de aula, nas atividades de tutoria para resolução das atividades e nas práticas de avaliação. O aluno tinha a responsabilidade de estudar e resolver as atividades dos módulos didáticos a distância e contava com um serviço telefônico para tirar as dúvidas, além de um material em vídeo que os tutores disponibilizavam, gravado com os professores, naqueles conteúdos identificados de maior resolutividade a distância.
Esta experiência foi pioneira na região e contribuiu para reduzir a demanda de formação represada na educação básica, ao lado das experiências do telecurso e dos programas de educação de jovens e adultos governamentais. Milhares de alunos foram formados em mais de 20 anos.


Segunda experiência: Os exames supletivos de proficiência em ensino fundamental e médio foram outra experiência da instituição, única credenciada em Santa Catarina pelo Conselho Estadual de Educação, aplicando semestralmente as provas de suplência a distância. O interessado se inscreve nas disciplinas do ensino fundamental ou ensino médio, total ou parcialmente, e realiza as provas em cidades estrategicamente distribuídas por toda Santa Catarina, com o acompanhamento de monitores e fiscais contratados para tal, em instituições parceiras do Centro Universitário FACVEST. Semestralmente, centenas de alunos realizam os exames e seguem suas carreiras estudantis.


Terceira experiência: Em 2008, a instituição iniciou um programa de complementação pedagógica nos cursos de licenciatura, especificamente na Pedagogia, e fez uso da modalidade de disciplinas semipresenciais. Com esse programa foi investido em estrutura física, qualificação docente e produção avançada de materiais em EAD.
 

Foram criados três núcleos específicos: Tutoria e apoio docente; AVA e apoio discente e de Produção de material didático-pedagógico. O primeiro núcleo de tutoria desenvolveu a formação dos professores para o trabalho didático-pedagógico com os alunos; o segundo núcleo, construiu a plataforma para o Ambiente Virtual de Aprendizagem, qualificando tutores e alunos; o terceiro núcleo teve a responsabilidade de qualificar os professores, desenvolver os cadernos pedagógicos e fornecer matérias para os núcleos anteriores, de forma integrada, além de desenvolver os manuais e os materiais de avaliação e autoavaliação.
 

Foram oferecidas cerca de 15 disciplinas para mais de dois mil alunos de todo o Estado de Santa Catarina, sendo que os alunos tinham atividades presenciais na sede da instituição, em Lages, mensalmente, durante o período de dois anos.
 

Esta experiência foi basilar para a implantação das disciplinas semipresencias em todos os cursos de graduação e sequencias regulares da instituição.
Além disso, no ensino superior, vários cursos de curta duração, como os de administração, foram ministrados combinando atividades presenciais com atividades a distância, dentro das Atividades Curriculares Complementares.